18.12.09

NATAL

Michelangelo


NATAL

Leio o teu nome
Na página da noite:
Menino Deus...
E fico a meditar
No milagre dobrado
De ser Deus e menino.
Em Deus não acredito.
Mas de ti como posso duvidar?
Todos os dias nascem
Meninos pobres em currais de gado.
Crianças que são ânsias alargadas
De horizontes pequenos.
Humanas alvoradas...
A divindade é o menos.

Miguel Torga
In: Diário X, 24 Dez. 1966


Que venham os anjos que nos guardam refazer em nossas mãos um presépio de amor.

Que celebrem em nosso olhar o desejo da luz, a promessa da paz, a certeza do bem-estar.

Um Bom Natal e um Novo Ano Melhor !

62 comentários:

Paula Raposo disse...

Sempre excelente Torga!!
Um Feliz Natal para ti também, Graça. Beijinhos.

hfm disse...

Com Torga te felicito neste excelente post.

Um bom Natal para ti.

Mariana Botelho disse...

que lindo o poema do Torga!

João Videira Santos disse...

Torga...pois claro!
Um poema oportuno.
Bom Natal para si, familiares e que o novo ano lhe sorria em todo o seu esplendor!

Hercília Fernandes disse...

Sim, "a divindade é o menos"...

Belo poema-reflexão, minha amiga. Grata por compartilhá-lo conosco!

Vejo que lança novo livro, receba os meus parabéns!

Um forte abraço, Graça. Feliz Natal para você e toda família.

H.F.

JOSÉ RIBEIRO MARTO disse...

Este poema de Torga é extraordinariamente belo.
Desejo-lhe um natal bom e um ano novo cheio de surpresas e de poemas ...
abraço amigo
_______ JRMARTo

Pena disse...

Preciosa Poetiza Amiga:
Um poema de uma pureza que fascina.
Lindo e extraordinário sentimento de Natal que abrange e preenche todos pela beleza.
Beijinhos e Feliz Natal para si e para os seus.
Com fascínio pelo que concebe com uma ternura e carinho imensos e ENORMES.
Sempre a admirá-la


pena


Linda!
MUITO OBRIGADO pela sua visita doce.
Bem-Haja, perfeita amiga de sonho.
Adorei.

Mar Arável disse...

Contigo e Torga

melhor ano

Bjs

JMV disse...

Desta vez passei só para desejar um bom Natal.
um beijinho

carlos disse...

Graça,o Natal não pode acabar porque ainda nem todos o tem...Beijos. Carlos

sonhos sonhados disse...

kerida Graça

...Miguel Torga
é
e
será sempre o nosso Miguel Torga!

...feliz escolha.

...Feliz Natal para ti Amiga.



xis létinha

avlisjota disse...

Olá Graça belo este poema.

Para um poeta da terra como foi Miguel Torga o "melhor do mundo são as crianças." (fernado pessoa, liberdade)
Muito acima de qualquer divindade!

Beijos e feliz natal

José

manuela baptista disse...

.a divindade é o menos.

...talvez apenas o humano deus

um Bom Natal

para si também!

Um beijo

Manuela

Maria Clarinda disse...

Belíssimo, eu acredita que estava à espera de algo belo assim....Obrigada Graça, pelo poema de Torga!
Feliz Natal, amiga!

Multiolhares disse...

O Natal é o nascimento, o crescimento de todos nós
beijos

Eduardo Aleixo disse...

Foi bom trazeres Torga para humanização do Natal, como Jesus Menino o deseja...
Bom Natal para ti. Muito Amor.
Te desejo.
No À Beira de Água está um poema de que talvez gostes.

dade amorim disse...

Obrigada pelos poemas que nos brinda, pelo que, sem essa preocupação, nos ensinam, Graça. "A divindade é o menos" - o amor pode bem ter inventado aquele a quem chamamos Deus.

Um grande Natal e o novo ano de muito amor e paz.

Beijo e carinho.

Licínia Quitério disse...

Obrigada pelos desejos assim formulados. Óptimo Natal para ti.

Um beijo.

Alma disse...

A Divindade somos nós :)

Bem haja e um Natal como uma verdadeira Graça merece ;)

Beij*s

Véu de Maya disse...

Olá Graça!
Belíssimo este espirito de Natal, nas asas de um poema a preceito.
estou pra lhe desejar UM Natal Feliz e um Ano Novo com paz, amor, e solidariedade.

beijinho

viernes disse...

boas feiras, graça, que os desejos aconteçam em forma de belas palavras...

beijos!

Nilson Barcelli disse...

Um dos grandes poemas de Torga.
Subscrevo o presépio do amor, a paz e o desejo de bem-estar.
Querida amiga, Boas Festas, para ti e para a tua família.
Beijos.

A.S. disse...

Graça.

PAZ! AMOR! FRATERNIDADE!

É tudo quanto de mais puro e sincero te desejo neste Natal que vai entristecendo a cada ano...

Um abraço muito AMIGO!

AL

A. João Soares disse...

Desejo Feliz Natal e Vida Nova para todos, colaboradores, comentadores e visitantes deste blogue

Cumprimentos
João

São disse...

Obrigada, e o post é bonito...

Para ti e para os teus , um Natal de amor e prendas e um feliz ano novo!

Umm abraço amigo.

Vieira Calado disse...

Amiga,

aqui lhe deixo os meus votos de

FELIZ NATAL.

Beijinho

Manu disse...

Olá poetisa Graça Pires!

Acabei agora de ler "O silêncio: lugar habitado" e apenas me merece um reparo - só 39 páginas! Bem haja por ser poeta. Beijo.

© Piedade Araújo Sol disse...

G.

um poema excelente do Torga para a época que se vive.

um bom natal para ti.

um beij

teresa p. disse...

Muito belo e humano este poema do Torga!
Beijo.

alice disse...

não conhecia este poema de torga que é verdadeiro e certeiro :) e também gostei muito das suas palavras, graça. sente-se que são sinceras. um grande beijinho*

Isabel disse...

"Para vislumbrar nas palavras que escreve o rosto que conheço, o sorriso e o abraço.....
Obrigada por tudo....."


eu. eu é que Agradeço. Graça.

a indizível ternura.

os meus votos são os seus Votos.

.

sim.



sempre.

(beijo de imf)

cristinasiqueira disse...

Belíssimo.
A poética brilhante de Torga!



À você que me lê com o coração,

Suspiro pelo ano que se encerra e nos permite tempo de pausa para reflexão.
Durante um tempo longo fui sentindo,sentindo... as vibrações que circulavam ,claras e obscuras,
rápidas demais,fortes e frágeis,distintas e misteriosas,espertas e inocentes,confiantes e assustadoras,enfim
carreguei por todos os lugares um texto ,um amarrado de palavras que a cada noite se desvanecia,depois se encorpava,até que finalmente em uma tarde
se fez nascer ..."ANTES de TUDO".Senti alívio e o contemplei prosa a se dizer poema com olhos amorosos de mãe quando vê seu filhinho pela primeira vez.
Agora este texto é seu,meu presente de Natal,leia sem pressa,o examine lentamente,deixe-se ser tocada por êle.
Envolva-se com a sinceridade transparente com que o escrevi, com a delicadeza,com o tom suave e meditativo.
Compreenda o amor e a dor do texto,o luto e o nascimento ,a coragem a clamar por bravura,a solenidade,o consolo,a humanidade em nós semelhantes.
"Antes de Tudo"...postei no www.cristinasiqueira.blogspot.com

Feliz Natal

Cris

maré disse...

" todos os dias nascem meninos pobres"

todos os dias a esperança exaspera pelo reforço da luz, para recriar um dezembro de crenças...

ainda assim nascemos
a acreditar que um dia virá amanhecido mesas iguais a saciar as mãos.

____

um abraço e beijo imensos minha querida amiga

http://cinzasdecarvalho.zip.net disse...

O mesmo para vc e os seus, grande amiga!!!
Depois de longo e tenebroso inverno,
sua amiga de sempre,
Bárbara Carvalho.

Desnuda disse...

Excelente escolha, amiga! Um belo post.

_________________°PAz°
________________°União°
_______________°Alegrias°
______________°Esperanças°
_____________°Amor°Sucesso°
____________°Realizações°Luz°
___________°Respeito°harmonia°
__________°Saúde°solidariedade°
_________°Felicidade°-°Humildade°
________°Confraternização-°Pureza°
_______°Amizade°Sabedoria°Perdão°
______°Igualdade°Liberdade°Boasorte°
_____°Sinceridade-°Estima-°Fraternidade°
____°Equilíbrio-°Dignidade-°-Benevolênciaº
______CAMPANHA MEU AMIGO ESPECIAL
__________________Que
__________________Deus
_________________Continue
_______________Te abençoando!!
Bjos em teu coração iluminado!!!

Benó disse...

Querida Graça, os meus votos sinceros de Felicidade para todos os meses do ano. Que a Paz habite sempre em teu coração.

Mofina disse...

Um Natal com muita Luz!

beijos da,

Regina

manuela baptista disse...

"A divindade é o menos"

mas se for divino
que transfigure também o nosso olhar

em promessas de paz
em mãos de amor.

Obrigada Graça

pelas suas palavras e

um bom Natal para si!

Um beijo

Manuela

segredo disse...

Poema lindo com uma mensagem profunda!
Desejo um Feliz Natal;)
Beijinho de lua*.*

Soledade disse...

Boas Festas, Graça

Luis Eme disse...

agradeço e retribuo os teus votos.

que 2010 te traga tudo o que mais desejas e que continues a oferecer-nos a tua poesia, única.

abraço Graça

Sonia Schmorantz disse...

Natal...
É o mês de confraternização
Agradecimento pela vida
Bênçãos ao filho de DEUS
União, amor, reflexão!

Que o bom velhinho traga um saco cheinho de paz,
harmonia, fraternidade
Que o gesto de ternura se estenda de várias mãos
Que ao som dos sinos
O amor exploda em toda direção!

FELIZ NATAL!
UM ANO NOVO DE FÉ E SUCESSO!

Fa menor disse...

Amiga,

Que este Natal te fortaleça com os dons do Deus Menino
para caminhares em 2010 sem desânimo.

Que entre as melhores prendinhas de Jesus no teu sapatinho para o Novo Ano encontres as da Tranquilidade e da Paz, Saúde, Amor e União.


Estes são os meus votos extensivos a toda a tua família.

Abraços

Argos disse...

Graça

Temos que acreditar...no menino!
Um Feliz natal e um abraço grande

Ana Oliveira disse...

Feliz Natal e Bom Ano Novo.

Um beijo

Ana

alice disse...

não poderia deixar de passar por aqui para lhe deixar o meu beijo de natal com os mais puros votos de saúde, paz e alegria nos nossos corações, querida graça. um abraço*

ellen disse...

Obrigada pela seua presença no meu Blog e um Santo Natal para si e familia...

Beijinho

Gisela Rosa disse...

"Mas de ti como posso duvidar"?


Um beijinho Graça

Marinha de Allegue disse...

Bon Nadal Graça!!!.

Beijos.
:)

Pena disse...

VOCÊ e a sua deliciosa poesia são uma ternurinha que temos de guardar bem guardada pela sua significação profunda na imensa Blogosfera.
Parabéns.
Um Santo Natal.
Beijinhos amigos de respeito pelo seu significado ENORME.

pena

avlisjota disse...

Olá Graça

Desejo-lhe um natal feliz e um ano muito inspirado!

Beijos

José

Úrsula Avner disse...

Oi Graça,

Desejo a você e a toda a sua família boas festas e que o desejo de renovação que se intensifica nestes dias de fim de ano, possa perdurar a cada dia de nossa vida ! Abraço afetuoso.

heretico disse...

beijo

Boas Festas

Teresa Durães disse...

sempre bom recordar Torga. Boas festas para ti!

Monte Cristo disse...

O Natal obriga-me a longas caminhadas - e nem sequer sou Rei Mago. Finalmente cheguei, depois de percorrer montes e vales, areias escaldentes e estepes geladas. Estás na mesma. Doce e lúcida.

Tanto me basta.

maria manuel disse...

gosto muito do poema de Torga. verdade que todos os dias há natividades e muitas nas piores circunstâncias.

confesso que, nesta época, nada celebro a não ser a vontade das minhas filhas festejarem uma tradição inspirada no solstício de inverno. de resto, mantermos a nossa humanidade e velarmos pela dos outros, no que nos for possível.

obrigada pelo teu blog, o prazer que é vir aqui ler-te e um bom ano para ti. beijos! :)

Licínia Quitério disse...

Um bom ano novo, Graça, com Amor, Saúde e Poemas.

Beijinho.

Isamar disse...

"Todos os dias nascem
Meninos pobres em currais de gado.
Crianças que são ânsias alargadas
De horizontes pequenos.
Humanas alvoradas...
A divindade é o menos."
Lindíssimo poema,amiga.

Torga é um dos maiores poetas de todos os tempos. saibamos compreender a mensagem contida nestes versos.

Natal é sempre que o homem quiser.

Beijinhos

Bem-hajas!

Um Próspero Ano Novo

Manu disse...

Olá Graça! Um 2010 cheio de amor, paz, saúde e muita poesia para alegrar as almas. Beijos

batista disse...

sobre o Natal, que necessário se faz sempre presente em nós, numa cotidiana renovação, desejo-te tudo de melhor (diferente do outro natal-consumo, que passa antes mesmo de chegar... e deixa papéis rasgados dos presentes desembrulhados... daqueles que podem comprá-los, é claro!)... a se prolongar num Ano Novo que espero melhor que o que ora finda.

um abraço fraterno e saudoso.

gabriela r martins disse...

um beijo grato com este excelente poema de Miguel Torga



( espero que tenha sido envolta em beleza a tua época natalícia )

tchi disse...

Bom ano 10, Graça.

Abraço.