4.8.11

Em seara alheia


Hoje é o tempo
do renascer vigoroso de deusas primordiais
que dão à paisagem
formas tecidas de folhas
é o tempo
do sol sorrir na transparência da água
ou deitar-se manso
sobre ondulantes lençóis verdes
até adormecer no crepúsculo é o tempo
de sentir o brando acordar da brisa
do sereno canto dobrado das aves
que atravessam o eterno espaço
e de gravar na retina o dócil bailado das mariposas
é o tempo
das palavras florirem mágicas
nas sílabas silenciosas da inspiração
para se oferecerem à poesia
hoje é o tempo
de respirar beber e saborear a essência
na existência do segredo da vida

Teresa Gonçalves

In: Pleno verbo. S. Mamede de Infesta: Edium, 2011

30 comentários:

Braulio Pereira disse...

lindo.. lindissimo..


agradeço teu apoio.. tuas visitas e comentarios ..fazem-me feliz

obrigado minha amiga

beijo!!

manuela baptista disse...

pelo tempo da Teresa,obrigada!

pelo meu

boas férias, Graça!

um beijo

manuela

Isamar disse...

Um hino à Mãe-Natureza e ao Verão que tanto contribui para o nosso bem estar. Lindo poema!

Beijinhos

Bem-hajas!

Virgínia do Carmo disse...

Muito belo. Obrigada pela partilha.

Beijinhos, Graça

Luis Eme disse...

é tempo disso tudo, sim, e também das palavras florirem mágicas.

beijinhos para ti e para a Teresa

Marta disse...

E nessas palavras mágicas redescobrir o mundo e a vida....
Lindo.....
Obrigada pela visita
Beijos e abraços
Marta

Rosa Brava disse...

Tempo de matar saudades e ler a maravilhosa Poesia que aqui se partilha!

Um grande Abraço, Graça Pires e continue assim dessa forma que me encanta.

São disse...

Ainda bem que continuas generosa, linda!

bom fim de semana

Benó disse...

Hoje é o tempo....
é o tempo do sol....

Hoje é o nosso tempo. É verão. Há calor (?), convivio, amizades de longe estão conosco.
É tempo de felicidade.
Bom fim de semana.

mundo azul disse...

_____________________________

Que lindo esse poema da Teresa! Gosto muito da poesia dessa talentosa poeta...
Obrigada, pela partilha!


Beijos de luz e o meu carinho!!!

__________________________________

Lyra disse...

"Cada novo amigo que ganhamos no decorrer da vida aperfeiçoa-nos e enriquece-nos, não tanto pelo que nos dá, mas pelo que nos revela de nós mesmos. Enquanto o amor passa, a amizade volta, mesmo depois de ter adormecido um certo tempo." Já tinha saudades.
Beijinhos e até breve!
Lyra ;)

teresa p. disse...

"Hoje é o tempo..."

Gostei muito do poema. São sempre ótimas as tuas escolhas. Parabéns!
Beijo.

Adriana Karnal disse...

Graça,
mais uma preciosidade

Licínia Quitério disse...

Boa escolha. Não conhecia. Obrigada, Amiga Graça.

De Amor e de Terra disse...

Olá Graça, boa tarde amiga.
Gostei muito do poema que escolheste da Teresa Gonçalves. Dos muitos contidos no seu último livro é também um dos meus favoritos.
Bjs.
M.M.

viernes disse...

palavras que dizem o Verão, que incidem sobre a sua luz, :)

gostei muito!
um beijo grande, amiga!

Paula Raposo disse...

Um dos muitos belos poemas da tecas!! Beijos.

© Piedade Araújo Sol disse...

uma boa escolha de um poema da Tecas.

merece aqui o seu destaque.

boa semana!

beij

Mar Arável disse...

Hoje é o tempo de cada instante

assim partilhado

Parapeito disse...

Goostei desta partilha.
brisas frescas ***

N. Barcelli disse...

Gosto da poesia da Tecas. Escolheste um dos bons poemas dela.
Querida amiga Graça, tem um bom resto de semana.
Beijo.

Eduardo Aleixo disse...

Poema cheio de luz, este de Teresa Gonçalves.
Obrigado pela partilha, amiga.
Se fores ao Beira de Água...tens lá uma surpresa.
Beijinho.

as-nunes disse...

É linda, esta seara, assim haja quem nos indique o caminho para a podermos apreciar.

Assim aconteceu.

Muito obrigado, Graça

beijo,
António

heretico disse...

uma promissora seara. sem dúvida. gostei muito dessa telúrica "vontade de renascer"...

beijo

Canto Turdus Merula disse...

um belo poema a renascer pela “existência do segredo da vida”.

Braulio Pereira disse...

ola Graça

vim visitar-te desejar-te feliz semana.


beijo!!

Aníbal Raposo disse...

Olá Graça!

Passei e gostei do poema. Cheira a verão.

Beijo

Diamante Negro disse...

Lindo e belo...

Como tudo aquilo que escreve.

É o tempo de deliciar a mente na beleza das palavras.

beijo!

tecas disse...

Querida amiga Graça, quase que caí da cadeira! Começei a ler o poema e no principio achei-o semelhante a um meu.Só depois de o ler até ao fim é que vi que era mesmo o meu:-) Só mesmo eu...Obrigada, minha amiga pela honra que me deu. Desculpe de só agora vir ao seu blog. Com as apresentações do livro, descuidei o meu blog e as visitas aos meus seguidores. O meu bem haja pela amizade e carinho.
Bjito amigo e uma flor.

tecas disse...

Querida Graça, o poema « hoje é o tempo», é o poema que abre a corrente solidária de 45 poemas pela vida, ( UM DIA PELA VIDA), LIGA PORTUGUESA CONTRA O CANCRO,para angariar fundos, no qual entraram 45 poetas, entre os quais, Dr. Jaime Gonçalves, Manuela Miguens,Manuela Carneiro,Fátima Fernandes( Amita) Luís Carvalho,Inocêncio Vidal, Natália Vale,que penso que que a querida os conheçe. Se desejar o livro, faço gosto em lho oferecer. Bjito amigo em seu coração e bem haja por o dar a conhecer.