1.1.08

Um pássaro verde

António Dacosta



Como tu dizias,
um só sonho não importa,
quando um pássaro verde
nos nasce no peito
para antecipar a esperança.


Graça Pires
De Conjugar afectos, 1997

27 comentários:

Pena disse...

Um sonho não basta, a esperança num mundo bem melhor que um pássaro verde anuncia ternamente e carinhosamente. Um Mundo mais justo. Coerente. Sensato. Respeitador. Íntegro e sincero.
Desejo-lhe com sinceridade e seriedade, saúde, bem-estar, tranquilidade, sossego emocional e harmonia neste ano de 2008 que começa.
Um versejar concebido com requinte e bom gosto. Adorei!
Beijinhos amigos com grandiosa estima e consideração.
Respeitosamente

pena

hfm disse...

Como eu gostei deste pássaro verde enchendo-me de sonhos e de esperança! Belíssimo!

Anónimo disse...

boa noite "pássaro".






beijo.




grato.




.piano.

maria m. disse...

que lindo modo de nos evocar a esperança, Graça!

para ti, reitero votos de um 2008 de esperança, paz, saúde, poesia, afectos, sonhos e felicidades!
beijinhos.

Sophiamar disse...

Que o Ano Novo seja de paz. Que a alegria, o amor, a amizade, a saúde te acompanhem sempre.

Beijinhosssss

Ana Pallito disse...

Que ela seja a guia do teu ano, se possível do nosso.


Esperanças

Bjs

Teresa P. disse...

Que a esperança more sempre em nossos corações para não deixar morrer o sonho.
Como é belo esse pássaro verde!

Sempre contigo.

Pena disse...

Linda Amiga:
Obrigado pela magia pura e linda que constitui o seu puro Ser.
Deslumbra.
É linda!!!!!!!!!!!!!
Beijinhos amigos de imensa estima e consideração.
Agradecido pela visita. Muito!
Sempre a lê-la com imensa delícia.
Com respeito

pena

herético disse...

asas para tão belo pássaro verde...

abraço

Maria Luar disse...

nada importa quando um pássaro nos nasce no peito.

abracinho

Luis Eme disse...

Pois não...

abraço Graça

Monte Cristo disse...

O peito - lugar do coração - é um ninho onde nascem todas as esperanças.

Até ao fim...

Um beijo

Maria Clarinda disse...

Viajar pelo teu blog neste dia cinzento ,e, ver o verde da esperança em forma de passáro verde, será sem dúvida a minha Paz. Jinhos

Teresa Durães disse...

lindo poema e tela
perseguir sempre e do sonho criar as asas necessárias para se alcançar

bom ano 2008

Licínia Quitério disse...

Que o pássaro te acompanhe nos dias futuros que se querem verdes.

Beijos.

soledade disse...

Deste poema retenho a ideia de que a esperança não nasce com o pássaro verde. Ele apenas a prenuncia. Tudo é incerto, eventual. Mas algo antecipa - não a realização, mas a sua esperança. Há aqui um subtil jogo de tempos que se encadeiam, se conjugam, se exigem...
Poema perfeito para iniciar este ano tão ameaçado que agora começa.
Um beijo e que o pássaro estenda as asas em presságio feliz.

alice disse...

que 2008 assim seja. um beijo.

Paula Raposo disse...

Verdade! Tantos pássaros verdes no peito. Quanta esperança. Beijos.

Fernando Dinis disse...

Olá Graça.
Tenho novidades em
http://www.ficoatetardenomundo.blogspot.com

Cumprimentos

Vieira Calado disse...

Belo, o poema e o quadro!
Bom fim de semana

Té la mà Maria - Reus disse...

very good blog, congratulations
regard from Catalonia Spain
thank you

Benó disse...

"Para antecipar a esperança"
E quando ela chegar? Viver eternamente com ela ou transformá-la em acção?
Através da poesia as almas gritam alegrias e dores. Seria bom que todos os poetas escrevessem SÓ de e PARA a ALEGRIA.
Um Feliz 2008

Marinha de Allegue disse...

Coma sempre fermosas palabras...

Unha aperta e Feliz Ano Novo!!!

:)

Graça Pires disse...

Minhas amigas e meus amigos, obrigada pela visita, pelas palavras e pelo carinho.
Como diz a Teresa P., minha amiga e minha irmã: Que a esperança more sempre em nossos corações para não deixar morrer o sonho.
Um beijo a todos.

lena disse...

um sonho
a esperança que no peito nasce

vi o pássaro verde sobrevoar na magia do poema


um abraço meu, muito terno, minha querida poeta

lena

Cida Garcia disse...

http://www.flickr.com/photos/cidagarcia/
Graça Pires,
Minhas imagens encontraram na sua poesia um casamento perfeito.
Estou totalmente entregue a sua poética...rendida aos seus conhecimentos..do SER.
Já passei seus endereços para amigos e vc. poderá comprovar este carinho e admiração neste endereço onde estão meus trabalhos e sua poesia entre outros tantos autores portugueses da minha preferência.
Amo sua terra e sua gente.
Nem acredito que estou podendo lhe dizer isto!
Bem haja pela sua existência!

Anónimo disse...

Your blog keeps getting better and better! Your older articles are not as good as newer ones you have a lot more creativity and originality now keep it up!